english   italiano   español
 
4 June 2012

Slide Shows: Ferramenta On-line Permite-lhe Combinar Imagens Digitais Com Música Original Para Produção De Poderosas Apresentações: vMix Photo Jockey


O PJ180 é o novo editor de Slide Shows do vMix, permitindo a todos a criação de boas apresentações de imagens e fotos totalmente on-line e a partir de qualquer tipo de computador.

O vMix é um serviço on-line que permite que as pessoas publiquem e partilhem os seus próprios Slide Shows. O vMix oferece uma opção única na criação de slide shows on-line.

Os utilizadores podem criar apresentações realmente eficazes com títulos, transições e efeitos sem terem que descarregar ou instalar qualquer software no seu computador. O vMix SlideShows tem também uma biblioteca de músicas livres de licenças que os utilizadores podem explorar sem custos adicionais.

vMix_PJ180_full_interface_350.jpg

O mais interessante sobre o vMix Slideshows é que, de uma forma realmente emblemática no aumento de valor da participação comunitária na criação e desenvolvimento de produtos on-line, foram os utilizadores que descobriram, insistiram e possibilitaram a existência desta funcionalidade, um bem de valor fundamental e traço característico de toda a oferta do vMix.
Tom Taulli escreveu recentemente na Forbes:

"Enquanto organizava os seus focus groups, Gregory Kostello (o CEO da vMix) entendeu que as pessoas queriam essencialmente criar slide shows – não vídeos. Apesar de tudo, os vídeos são grandes e difíceis de editar. Tal não acontece com os slide shows".

enquanto que os recentes lançamentos demonstram que a edição de vídeo sofreu uma grande alteração em termos de usabilidade e facilidade de utilização, tenho que concordar que para a maioria das pessoas a edição de vídeo é muito mais complexa do que a edição de um slide show.

A nova funcionalidade de criação de slide shows incluída no vMix é chamada de Photo Jockey 180 (conhecida como PJ180) e fornece-lhe tudo o que necessita para criar rápida e eficazmente uma apresentação, composta por imagens digitais, gráficos ou fotos que tenha no seu computador, além da possibilidade de adicionar uma banda sonora que não lhe custa nada além de uns créditos no ecrã de créditos do slide show.


Curiosamente, em virtude da sua abordagem singular em oferecer uma biblioteca de música independente que os autores de apresentações podem utilizar gratuitamente, o vMix também serve como uma montra para os músicos independentes que procuram um forma alternativa de promover o seu trabalho: o vMix oferece-lhes uma plataforma para que a sua música seja apresentada pelos criadores de apresentações no vMix.

Pelas razões anteriores decidi contactar Gregory Kostello, CEO e fundador da vMix para saber mais sobre a história por detrás do serviço.

Aqui está um ficheiro em .mp3 disponível da entrevista e abaixo está uma versão de reprodução imediata. Clique no botão "Play" e, em poucos segundos o áudio será reproduzido automaticamente (seguida de uma transcrição do texto).

Aqui estão algumas informações sobre as capacidades do vMix Slideshows e a transcrição da minha entrevista a Gregory Kostello:

 

VMix_slideshows_gallery_350.jpg

PJ180 é a aplicação Web grátis, integrada no vMix e concebida para lhe permitir criar slide shows on-line com transições, efeitos, texto e banda sonora.

vmix_pj180.gif

PJ180 dá aos utilizadores a possibilidade de enviar as suas fotos pessoais e organizá-las em relação à musica num editor simples.

vmix_slideeditor.gif

vmix_slidepreview.gif

Vários ficheiros de imagem podem ser enviados ao mesmo tempo, seleccionando-os carregando na tecla Control no diálogo de selecção.

Pode adicionar efeitos de transição e texto aos seus slides clicando no separador Slide Editor; assim, tem controlo total sobre a ordem da reprodução e duração de cada foto a partir da interface do programa.

vmix_audiotracks.gif

No sítio Web do vMix, pode escolher entre vários temas ou margens para emoldurar os slide shows. Logo que o seu slide show esteja criado, pode seleccionar a sua faixa de áudio de entre várias selecções de música composta por músicos e bandas que se associaram com o vMix.

vmix_slideshow.gif

Quando tiver terminado, o slide show gravado pode ser visualizado através do sítio Web do vMix ou pode ser incluído directamente em outros espaços Web, tais como o Myspace, Friendster ou no seu próprio blogue.




Transcrição completa da entrevista áudio com o fundador e CEO da vMix, Gregory Kostello


gregory_kostello.jpg


Gregory Kostello da vMix



Robin Good: Olá a todos, sou o Robin Good, ao vivo de Roma na Itália e hoje tenho comigo Gregory Kostello, CEO da vMix. Olá Gregory, bom dia.

Gregory Kostello: Bom dia Robin, estou contente por estar presente.



Robin Good: O prazer é meu. De onde está a ligar, Gregory?

Gregory Kostello: Estou a ligar de San Diego, Califórnia, Estados Unidos.



Robin Good: Muito bem. vMix, recentemente apresentado na MasterNewMedia, é um novo serviço on-line que permite fazer exactamente o quê, Gregory?

Gregory Kostello: Nós encorajamos as pessoas a criar e partilhar conteúdo. Inicialmente, o nosso objectivo era o vídeo. Mas descobrimos que muitas pessoas estavam a criar conteúdos com fotografias que tiravam e músicas que possuíam. E assim pretendíamos expandir isso e á parte da missão de converter os que vêm conteúdos em criadores de conteúdos.



Robin Good: Então como é que o vMix possibilita que utilizadores não técnicos, indivíduos de todo o tipo, consigam isso?

Gregory Kostello: Excelente pergunta. Uma coisa que reparámos foi que as pessoas criavam estes slide shows em ferramentas relativamente complexas. E pretendíamos levar esses slide shows a todos. É fantástico o tipo de barreiras presentes. Assim dissemos que o Flash 8 particularmente nos dava um maior controlo, tremenda capacidade de criar aplicações muito específicas, e assim criámos rapidamente o que chamamos de PJ60. É uma aplicação muito simples. Foi concebida para permitir, em poucos minutos, a importação das suas imagens e então combiná-las com música. E o que fizemos foi, um pouco de história, é que muitos de nós éramos empresários na indústria musical, ou tal como eu era o líder de tecnologia para o mp3.com. Então abordámos artistas que conheciamos e licenciámos música para que os indivíduos pudessem criar este conteúdo com música licenciada e dávamos um link para o sítio Web do artista, do músico, como parte deste acordo.


Clique na imagem acima para aumentar.



Robin Good: Essa é uma ideia excelente, muito bem. Então não só oferece a possibilidade de enviar imagens digitais e combiná-las com música mas também oferece uma selecção de faixas musicais que posso utilizar gratuitamente nos meus slide shows. Correcto?

Gregory Kostello: Exactamente, e tenho o prazer de anunciar que licenciámos 6000 novas faixas que iremos incluir na nova versão do PJ nas próximas semanas.



Robin Good: E como foram capazes de criar tal esquema de licenciamento ou acordo onde estes artistas permitem que as suas músicas sejam reproduzidas? Hoje existem tantos debates sobre como a música tem que ser protegida, tem que ser paga e depois existe outro lado que realça todas as oportunidades que os músicos teriam se a música se espalhasse, tal como vocês fazem, oferecendo exposição do artista através da sua música que depois pode ser rentabilizada de várias formas. Então a minha questão é, está em contacto com um grupo específico de músicos que vêm as coisas desta forma ou fez um acordo especial com músicos tradicionais que estão a começar a ver as coisas de uma forma nova?

Gregory Kostello: Temos muita sorte. Conseguimos chegar a artistas independentes e artista com contratos. Assim conseguimos fazer ambos. Uma vantagem que temos é que algumas das pessoas que trabalham no mp3.com são artistas, músicos e têm uma boa rede de contactos. Um dos co-fundadores também trabalhou nos últimos anos na Universal Music. As coisas progrediram muito nos últimos anos. A indústria musical começou a aceitar os media digitais e a grande parte está, também, porque nós ligamos automaticamente, dependendo dos desejos do artista, no fim do slide show, por isso o final do slide show vai para onde o artista pretender. Esta é assim uma forma de dar a promoção ao artista. E honestamente, muitas pessoas quando ouvem e vêm slide shows, querem saber "Onde posso obter esta música?". Funciona assim para todos.



Robin Good: Ideia absolutamente genial. Os meus cumprimentos por isso. Esse é o caminho a seguir e por certo será um exemplo e modelo para ser seguido. Muito bem, Gregory. Então, se tiver um conjunto de imagens digitais no meu computador, seja PC, Mac ou Linux, I posso ir ao vMix, registar-me, entrar e então enviar estas imagens para criar o slide show. Este slide show é composto por imagens digitais ou poderei utilizá-lo para criar uma apresentação onde possa ter, sim, música mas talvez também pretenda ter narração?

Gregory Kostello: É uma excelente pergunta. Estamos a considerar a narração por voz, o que achamos que será muito útil. Queremos descobrir uma maneira de o fazer de forma simples. Teremos a possibilidade de fazer upload de áudio. Estamos a torná-lo o mais amigo do utilizador o máximo possível, por isso a equipa passa muito tempo em descobrir como o fazer numa interface apropriada.


Clique na imagem acima para aumentar.



Robin Good: Estou ansioso por isso. E possivelmente quando levar as pessoas a ver e compreenderem o seu serviço como uma ferramenta de criação de apresentações, irão rapidamente perguntar como podem enviar as suas apresentações em PowerPoint e adicionar narração por voz a elas.

Gregory Kostello: Bem, esperemos que seja mais divertido criar as suas apresentações do que o PowerPoint. Eu acho, não sei se concorda, que o PowerPoint é muito funcional mas não muito amigo do utilizador. Assim tentamos criar a nossa ferramenta assumindo que você tem poucas bases técnicas e deixamo-lo realçar o que você faz melhor, que é criar conteúdo.



Robin Good: sim, concordo com os seus comentários em relação ao PowerPoint, mas é ainda uma ferramenta muito utilizada e também lhe é pedido que seja possível adicionar música e narração, porque, de novo a ferramenta não o torna muito simples. E já que a possibilidade de tornar as suas apresentações reconhecidas corresponde à necessidade de as ter on-line, parece-me que fosse algo inevitável. Mas acho que tomou uma abordagem muito diferente em relação ao tipo de apresentações e de slide shows que cria, pelo menos por agora, de estilo diferente. Mas mesmo assim, acho interessante que se dedique algum tempo a essa possibilidade, pelo menos no futuro.

Gregory Kostello: Acho que é uma ideia bastante criativa. E não é o primeiro a recomendá-la. Ouvimos o mesmo de utilizadores de outros mercados, que pensavam que esta seria uma excelente ferramenta para partilhar os seus slide shows. A nossa audiência era pessoas com as suas expressões pessoais, falando sobre a sua família, amigos e actividades pessoais. Como sabe, é interessante quando cria uma ferramenta, nunca sabe como é que as pessoas a irão aceitar e esperamos que a ferramenta seja suficientemente flexível para que seja utilizada de formas diferentes.



Robin Good: Mas porque é que não activamos uma funcionalidade para o vMix agora, que possa ser activa já, que é para dizer aos utilizadores menos técnicos que têm apresentações em PowerPoint das quais desejem retirar alguns slides e adicioná-los ao slide show do vMix com música e, no futuro, narração, que possam fazê-lo agora. Podem simplesmente ir ao PowerPoint, abri-lo e escolher "Gravar Como" e seleccionar como tipo de ficheiro uma imagem em .jpg e o PowerPoint permitirá que esse slide em particular seja gravado como imagem que pode enviar para o vMix e tirar partido neste momento das fantásticas funcionalidades que oferecem.

Gregory Kostello: Essa é uma ideia excelente. Muito criativa.



Robin Good: Vamos a ver, qual é a diferença entre os dois níveis diferentes deste serviço de criação de slide shows que está a oferecer. Ouvi falar de duas siglas, PJ60 e PJ180. Quer dar alguns detalhes sobre elas?

Gregory Kostello: Sim. Parte dos detalhes estão no nome. PJ180 permite o acompanhamento por músicas até três minutos. PJ60 estava fixado nos 60 segundos. Também permitimos muito mais controlo. Por exemplo, transições entre slides, para que um se dissolva, se cruze, cores, existem muitos exemplos diferentes que as pessoas pediram e gostaríamos muito de adicionar essas funcionalidades. Também precisamos de alterar a interface, antecipando que iremos ter milhares de músicas disponíveis, milhares de faixas, era muito importante repensar a interface em relação a isso. A assim fizemos um bom trabalho em relação a isso.

Porque demos mais controlo à pessoas, a interface teria que ser mais sofisticada. É ainda muito fácil criar slide shows iniciais, que pretendia manter. Também queríamos dar aos utilizadores que pretendessem ser criativos a possibilidade de ter muitos controlos diferentes sobre a apresentação, por isso adicionámos essas funcionalidades. Outros exemplos foram... as pessoas pediram mais controlo sobre o texto e assim irá descobrir que... adicionámos coisas como balões de pensamento e pequenos balões de diálogo para que se possam inserir comentários directamente nos slides. É muito divertido o que as pessoas estão a fazer na fase de beta e foi uma resposta a isso.

Algo também muito interessante é a nossa abordagem ao desenvolvimento. Iremos lançar novas versões incrementais, possivelmente todas as semanas. E isso é para acompanhar as alterações que as pessoas estão a pedir mas sempre mantendo a simplicidade e facilidade de utilização.



Robin Good: quando é que o serviço foi lançado inicialmente:

Gregory Kostello: Lançámos inicialmente em Outubro do ano passado. PJ surgiu em Dezembro do ano passado e praticamente dia e noite nele nos primeiros meses e lançámos com a Shanice, que é uma artista independente - peço desculpa, uma artista da Arista Records - e a Shanice incluiu umas excelentes faixas do seu novo álbum e fizemos um concurso sobre a criação de um cartão do Dia dos Namorados, no estilo de um cartão do Dia dos Namorados digital e colocámos vários temas nele, permitindo basicamente que as pessoas inserissem novos temas para emoldurar a criação, baseado no seu estado de espírito ou no que tentasse transmitir. E fizemos isto em Fevereiro deste ano. Agora, a nova versão oferece-lhe muito mais controlo com o mesmo tipo de excelentes temas que tem ao dispor.


Robin Good: E quais são as funcionalidades mais importantes que vão surgir?

Gregory Kostello: Maior biblioteca musical, é uma delas. Aumentar os temas, outra. controlo de texto, mais uma. A possibilidade de controlar realmente as transições, aumentar a duração e então preparar para ser realmente capaz de levar o seu conteúdo e partilhá-lo com o mundo. É assim uma base para alterações incrementais que irão acontecer no futuro.



Robin Good: Excelente! Deixe-me fazer-lhe uma pergunta difícil, Gregory. Quais acha que são os seus maiores rivais?

Gregory Kostello: É difícil de dizer. Ainda não vimos nada semelhante. Acho que o mais próximo que pode ter será algo como o iPhoto do Macintosh, mas isso é uma aplicação completa, não uma aplicação Web. Você cria algo e então tem um ficheiro que é um resultado disso, cria sítios Web devido a isso. Mas o que tentamos fazer é mudar a forma como as pessoas utilizam os conteúdos. Podem existir outras aplicações; apenas não estou familiarizado com elas de momento.



slidestory_logo.gif

Robin Good: Óptimo. Ainda hoje publiquei uma análise sobre a ferramenta que se aproxima a isto, chamada Slide Story, em www.slidestory.com, e a análise está disponível no MasterViews, que é o meu sítio Web dedicado a tecnologias, ferramentas, métodos e dicas relacionadas com apresentação e PowerPoint. De qualquer forma essa pode ser uma delas e de facto tenho dificuldades em lembrar-me de mais. Uma última pergunta, Gregory é qual é o seu modelo de negócio se tudo é gratuito?

Gregory Kostello: Excelente pergunta. É em tudo semelhante ao seu sítio Web, imagino, pois somos sustentados por publicidade. Acho que existem muitas oportunidades, pois cada vez mais pessoas entram no mundo on-line. Acho que já ouviu as estatísticas e viu os números, ao gigantesco crescimento da Google na publicidade on-line advertising, a mudança para a Web. É algo que tem sido falado durante anos e acho que se tornou mais importante com esse crescimento. Por isso temos um modelo baseado em publicidade.


Robin Good: Excelente. Bem, agora é consigo, se tiver alguma questão para me fazer, agora é o momento.

Gregory Kostello: Bem, não é uma questão, mas adoro o sítio Web. Acho que tenho uma pergunta. Qual foi a força motriz por detrás da criação do seu sítio Web?



Robin Good: Repita, pois não consegui entender à primeira.

Gregory Kostello: Parece ser muito entusiasta em relação à Web 2.0; na realidade, acho que tem uma das melhores fontes na Net para isso. O que o levou à criação do blogue e sítio Web?



Robin Good: Bem, basicamente foi uma necessidade imparável de partilhar o que sei, fazer com que outros se sintam bem e ajam através de ideias, ferramentas, descobertas e experiências que eu tive. Essa tem sido a minha força motriz desde o início, e tenho tido sorte e estou grato à evolução da Web por agora poder rentabilizar e suportar esse desejo.

Gregory Kostello: Bem, fez um excelente trabalho; eu uso-o como fonte para descobrir o que de bom existe no mundo, por isso gosto muito do seu sítio Web.



Robin Good: Obrigado Gregory, fazemos o melhor para o melhorar e o tornar cada vez melhor do que já é, reunindo mais informação e notícias. Irá ver novas funcionalidades a surgir em breve nos nossos sítios Web. Aqui, do Robin Good, ao vivo de Roma na Itália, por hoje é tudo com Gregory Kostello, vMix, este novo serviço on-line que permite a criação de sítios Web com as suas imagens e adicionar-lhes músicas que também são licenciadas, música original pela qual não paga. Simplifica, permite a adição de transições, efeitos especiais, texto e mais, partilhando com todos on-line, sem ter que instalar ou configurar qualquer software. Gostaria de agradecer ao Gregory e à sua equipa, incluindo Jordan Rounds, o engenheiro que sei que se sentou a seu lado, pronto a intervir em questões difíceis e deixo consigo as últimas palavras, o endereço e outra coisa que deseje dizer aos nossos leitores e ouvintes hoje. Uma vez mais obrigado e de volta a si, Gregory.

Gregory Kostello: E obrigado pela oportunidade. Adoramos receber feedback em todas as nossas ferramentas e software, por isso deixe comentários, envie sugestões. Leio-os a todos. E obrigado uma vez mais pela oportunidade de participar.

vmix_logo.jpg

 

Originalmente escrito por e publicado pela primeira vez na MasterNewMedia.

 

Robin Good - Livia Iacolare -
 
Comentários dos leitores    
blog comments powered by Disqus

 

 


 

Feed RSS de Notícias Diárias

 

 

Curated by

Publisher MasterNewMedia.org - New media explorer - Communication designer

 

 


Real Time Web Analytics